Sobre o Instituto Iguá

A Iguá Saneamento fundou o Instituto Iguá de Sustentabilidade (IIS) em 2018 para demonstrar seu compromisso em fazer a diferença no setor de saneamento, promovendo a ampliação do impacto social dessa atividade. Desenvolvido por meio de parcerias com outras empresas, organizações sociais e investidores que compartilham um objetivo comum, o Instituto Iguá de Sustentabilidade tem como missão contribuir para a universalização do saneamento no Brasil, por meio da promoção da inovação e da educação para o desenvolvimento sustentável.

O Instituto Iguá de Sustentabilidade entende que gerar um impacto positivo no setor de saneamento vai além de tratar e abastecer de água e coletar e tratar esgoto. Significa focar na descoberta de soluções inovadoras para resolver velhos problemas e deixar um legado positivo para as futuras gerações de brasileiros.

institutoigua.org.br/proposito

Water+ Alliance United Nations apoiada pelo Instituto Iguá

Ipu - Water & Sanitation Venture Philanthropy


Instituto Iguá e Climate Ventures lançam a primeira iniciativa de Venture Philanthropy no Brasil

O Instituto Iguá para Sustentabilidade e Empreendimentos Climáticos lançou uma iniciativa de filantropia de risco com o Ipu - Water & Sanitation Venture Philanthropy Fund (o Fundo), que é a primeira iniciativa de filantropia de risco no Brasil dedicada a criar um impacto positivo em água e saneamento no Brasil. O fundo foi lançado no Dia Internacional da Água, data dedicada a comemorar a importância da água e a dar visibilidade ao tema diretamente relacionado ao Objetivo 6 de Desenvolvimento Sustentável da Organização das Nações Unidas (ONU). O fundo busca fomentar o ecossistema de aspectos socioambientais impacto no Brasil, apoiando startups e organizações sociais por meio de doações da Iguá, IG4 Capital, bancos e family offices com aceleração customizada de acordo com os principais desafios de cada organização.

O conceito de Venture Philanthropy originado do International Venture Philanthropy Center (IVPC) é um conceito novo no Brasil, mas está em prática desde 2010 na Ásia e na Europa. O termo refere-se à promoção de negócios de impacto e / ou organizações da sociedade civil, com o objetivo de promover a sustentabilidade financeira dos projetos apoiados e o crescente impacto socioambiental no médio e longo prazo.

O fundo é monitorado pelo Financial Innovation LAB, iniciativa desenvolvida em parceria pelo BID (Banco Interamericano de Desenvolvimento), CVM (Comissão de Valores Mobiliários), ABDE (Associação Brasileira de Desenvolvimento) e GIZ (Deutsche Gesellschaft für Internationale Zusammenarbeit GmbH).